terça-feira, 17 de janeiro de 2017

poemas rimados
quando comecei
(e começo de novo todo dia)
meus poemas eram todos
bem rimados.
rima atrás de rima
"ar", "or", "ir", "im", "iu", "ou"
e tantas outras possibilidades
se encaixavam bem
em qualquer final de frase para rimar.
mas dai
eu fui ficando mais velho
mais chato
mais calejado a cada não
mais fodido a cada esquina
e então eu parei de rimar,
hoje só em doses bem modestas
quando falta conteúdo mesmo.
hoje eu pulo vírgulas
e até alguns pontos finais.
acaba ficando chato e repetitivo
quando na sua cabeça
"dor" é primeira palavra que vem
quando você quer escrever sobre
"amor".
mais fodido a cada esquina, sempre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário