sexta-feira, 29 de maio de 2015

Sobre-não-sentir-gostos

As pessoas falam comigo
sobre futebol
me perguntam sobre
religião
e questionam sobre meu emprego.
Não ligo para nenhuma delas,
nem para as que ousam
me desejar bom dia.

Eu convivo tão bem com
a apatia
que nem me importa
se quando escrevo
É noite ou
(mais um) dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário