terça-feira, 25 de novembro de 2014

Linhas Perdidas

O ventilador não venta mais.
O café ficou ruim, apenas.
Os galhos que batiam na minha janela cansaram.
Os pássaros dormem para não cantar.
A televisão não interte.
A ponta do lápis quebrou ligeiro dessa vez.
A luz acha que me engana, mas vejo ela piscar.
O epitáfio ficou curto demais.
Escrevo para não pensar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário